16.5 C
Pomerode
segunda-feira, 27 de junho de 2022

Avó é presa por causar incêndio que feriu neta em Gaspar

A criança de um ano e oito meses ficou com queimaduras de primeiro e segundo grau pelo corpo

A Polícia Militar de Gaspar prendeu na quarta-feira, dia 3, uma mulher de 66 anos por tentativa de homicídio doloso. Tudo começou na tarde do mesmo dia, quando, por volta das 16h, o Corpo de Bombeiros de Gaspar foi acionado para atender a uma ocorrência de incêndio com vítimas na Rua São Bento, bairro Santa Terezinha.

Quando a guarnição chegou no local, uma criança de um ano e oito meses, junto com a avó, de 66 anos, já estava fora da residência. A criança foi retirada do quarto pela mãe e atendida pelos Bombeiros com queimaduras de 1º e 2º grau pelo corpo, sendo encaminhada com urgência ao Hospital de Gaspar. Já a avó, retirada por populares, foi atendida pela equipe do Samu, também com queimaduras de 1º e 2º grau pelo corpo, e conduzida ao hospital.

Diante disso, os Bombeiros apagaram os focos restantes do fogo, que já havia sido controlado por vizinhos. Foram utilizados aproximadamente 2 mil litros de água, além do ventilador de incêndio para eliminar a fumaça do ambiente.

Foto: Divulgação/Bombeiros de Gaspar

Ainda no mesmo dia, a filha da senhora e mãe da criança informou para a polícia que a avó teria se trancado no quarto junto com a neta e ateado fogo em um colchão, causando as queimaduras nos braços e pernas da criança. Após o relato da mulher, a guarnição da PM se deslocou até a Delegacia de Polícia Civil com a representante legal da criança, que apresentou os fatos ao delegado. Diante disso, foi lavrado o boletim de prisão em flagrante para a idosa por homicídio doloso tentado.

*Com informações do Corpo de Bombeiros de Gaspar e Jornal Metas.

Receba notícias direto no seu celular, através dos nossos grupos. Escolha a sua opção:

WhatsApp

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas notícias